sábado, 8 de maio de 2010

200 anos do nascimento de Frédéric Chopin em 2010 - Prelúdio no. 15 " Raindrop"

Continuando a série em homenagem aos 200 anos do nascimento de Chopin em 2010.
Os prelúdios de Chopin (Op. 28) são um conjunto de pequenas peças para piano, um para cada número de tonalidade existente (24), originalmente publicados em 1839. Inspirados nos prelúdios do Cravo bem Temperado, de Bach, por sua vez inspiraram os prelúdios de Debussy e Rachmaninov. Chopin compôs a maior parte deles na sua estada em Valdemossa, localidade próxima a Palmas de Maiorca (Espanha), onde o compositor ficou em repouso com a sua companheira George Sand por motivo de saúde (naquela época era comum que pacientes que sofriam de tuberculose procurassem balneários mais ao sul da Europa, menos frios, para se tratarem). A publicação dos prelúdios provocou rebuliço no ambiente musical da época, pois eram peças muito curtas e não seguiam regras clássicas.
Embora o termo prelúdio seja geralmente usado para descrever uma peça introdutória, os de Chopin permanecem como peças próprias, pois cada um deles transmite uma emoção ou idéia específica. É o caso deste que posto aqui. Apelidado de "Gota d´água", é o mais extenso dos 24. A melodia se dá na mão direita e, no acompanhamento da esquerda, a repetição das notas nos faz imaginar uma gota de chuva caindo sobre uma superfície de água, martelando, constante, calma, como uma chuva fraca. Já na parte do meio, a melodia se torna mais pesada, mais escura, na mão esquerda, como se a intensidade da chuva estivesse aumentando, atingindo um clímax. É muito interessante.
video

6 comentários:

  1. Que interessante, eu nunca fui tão ligada em música clássica, mas vou procurar os Prelúdios de Chopin.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  2. Eu sempre curti música clássica, mas nunca fui muito conhecedor nem nada. Assim como a Camila vou dar uma procurada! E assim como ela, achei bem interessante o post!
    Eis o meu blog:
    http://tedio-on.blogspot.com/

    Abraços

    ResponderExcluir
  3. Paty, prá mim Chopin é o melhor, adoro os Prelúdios a também os Noturnos, principalmente o op.9 nr 1.
    E nesta fase esperando bebê é muito importante que ele já comece a ouvir dentro da barriguina da mamãe. São músicas que fazem muito bem à alma e transmitem muita paz.
    Bjins prá vocês!

    ResponderExcluir
  4. This is a lovely romantic post Paty. The painting goes well with the soft music – Chopin is one of my very favorite as you know – I could listen to his music for hours.

    ResponderExcluir
  5. Oi Paty,
    Muito obrigada pelo seu comentario sobre os "três dias no sul da França". Aproveitei e vim fazer uma visitinha...Gente, o seu blog esta cada dia melhor. Que delicia! E os seus textos sobre a França estao lindos, lindos. Alias, se me permitir, adoraria publicar os que falam da Provence no meu "Persa" (com todos os créditos e links, claro). Ja fiz isso com outra amiga blogueira e o resultado foi otimo. Se gostar da idéia pode me mandar os textos por mail: jornalistana@yahoo.com.br Beijos e até breve...

    ResponderExcluir
  6. Chopin é sem dúvida o melhor dos compositores - na minha humilde opinião, claro - suas baladas e seus noturnos então, nem se fala...

    Gostei do blog xD

    ResponderExcluir